segunda-feira, 29 de junho de 2015

Cheirar e lamber cu e receber cocô e peido não significa humilhação ou dominação



O post de hoje é um protesto às produtoras de filme de scat, fart, ass sniffing (ou ass smelling) e ass licking. A ampla maioria destes filmes trata dos referidos temas com o viés da dominação, da humilhação.

Não importa se é homem recebendo cocô de homem, mulher cheirando o cu de outra mulher, homem recebendo peido de mulher ou mulher lambendo o cu de homem, só para citar todos os gêneros. E lembro que, cada um destes gêneros, pode ser feito com casais heterossexuais ou homossexuais (gays, lésbicas e etc).

Enfim. O que me entristece é que 95% destes filmes tratam scat, fart, ass sniffing e ass licking como um meio de uma pessoa dominar ou humilhar outra. Fico chateado, pois percebo que quase não há filmes para um telespectador como eu, que curte scat, fart, ass sniffing e ass licking sem dominação e sim com intimidade.

Gosto de ver uma mulher cheirando o cu da outra com safadeza, com intimidade, com diálogos legais, nas quais as duas tenham tesão e se divirtam e não uma pessoa subjugando a outra, tentando obrigá-la a cheirar peido, a receber cocô, como uma forma de punição, com palavras de humilhação, de ordem.

Nada disso. Curto os gêneros acima citados com doçura. E não vejo isso com caras e nem com garotas. Por isso, deixo aqui minha indignação e a pergunta a essas produtoras: por que vocês tratam esses temas como dominação e humilhação?

Scat, fart, ass licking e ass sniffing podem ser feitos com doçura, com bons diálogos, com boas histórias, com safadeza. É isso que eu gostaria de ver e, por mais que eu pesquise, acho apenas um outro vídeo decente nesse sentido. Meu apelo é para que este viés mude. Tenho certeza de que é possível enxergar esses gêneros de outra forma.

Já não basta o scat ser visto como um fetiche repugnante até por fetichistas e praticantes de BDSM... Ainda por cima, tem que ser passado com a imagem da humilhação? Não curto. E peço por mais filmes de scat e demais temas com doçura e safadeza. Com gozo e não com dor. Mais amor, por favor! E você, amigo leitor? O que prefere? Tais gêneros com humilhação e dominação ou com doçura? Um abraço e um cheiro no cu! Não esqueçam de add no skype: amocheirarmerda@hotmail.com

Um comentário:

  1. Sou da mesma opinião que você e prefiro ver vídeos de scat com gestos de carinho e tesão, mas penso que se existe a oferta de scat com esse tipo de imagem é porque há demanda de consumo. Tem muita gente que fantasia e goza com a humilhação que isso pode representar.
    De qualquer forma, o apelo é válido. Um dia eu vou construir um roteiro dramático e nele mostrarei que scat também é AMOR, CARINHO e DELICADEZA. ��

    ResponderExcluir